8 de fevereiro de 2018

Exército registra mais de 5,5 toneladas de drogas apreendidas em janeiro no AM

Grande parte do material foi apreendida na tríplice fronteira e no Aeroporto Eduardo Gomes. Aumento de 64% foi registrado entre os anos de 2016 e 2017.
Imagem: EB
Por G1 AM
As apreensões de drogas no início de 2018 já apresentam números expressivos. Boa parte do material interceptado pela polícia era transportado por rios na tríplice fronteira - Brasil, Colômbia e Peru - e também no Aeroporto Internacional Eduardo Gomes, em Manaus. Somente em janeiro deste ano, cerca de cinco toneladas e meia de drogas foram apreendidas.
Dados da Secretaria de Segurança Pública (SSP-AM) mostram que em 2016 mais de 10 toneladas foram apreendidas. Já em 2017, quase 16,5 toneladas foram interceptadas, um aumento de 64%.
Em 2018, três ações resultaram em grandes apreensões. No dia 1º de janeiro, 750 quilos de maconha foram apreendidos no município de Tabatinga, a 1.108 km da capital. No dia 6, mais de uma tonelada de maconha tipo "skunk" foi localizada na calha do Rio Juruá, na fronteira com a Colômbia.
No último dia do mês, aproximadamente duas toneladas de maconha foram localizadas no Rio Içana, no município de Santo Antônio do Iça. As ações no interior do estado foram realizadas pelo Comando Militar da Amazônia (CMA).
Já o Aeroporto Internacional Eduardo Gomes foi classificado como o segundo maior em número de apreensões em 2017, com mais de uma tonelada de entorpecentes apreendidos.
Segundo o delegado titular do Departamento de Investigação sobre Narcóticos (Denarc), Paulo Mavignier, as apreensões aumentaram devido o reforço das ações nos rios, com apoio da Marinha do Brasil. Este apoio resultou em maiores situações de confronto entre traficantes, principalmente da Colômbia, e as forças de segurança.
"Eles tem descido com armamento para fazer a escolta da droga em relação aos piratas. E passaram também a fazer o enfrentamento da polícia. As forças militares tem dado uma resposta à altura para esses enfrentamentos. E com isso a gente visa aquisição de equipamentos, projetos para aquisição de lanchas blindadas, fuzis de grosso calibre, para que a gente consiga preservar a segurança dos nossos policiais", disse.
Nas últimas apreensões, um fuzil AK-47 e munições de grosso calibre foram encontrados.
G1/montedo.com

Nenhum comentário:

Arquivo do blog

Compartilhar no WhatsApp
Real Time Web Analytics