1 de fevereiro de 2018

Após ser hostilizado em voo, Gilmar Mendes usa avião da FAB

EVITANDO GRITOS
APÓS SER HOSTILIZADO EM VOO, GILMAR USA AVIÃO DA FAB PARA RETORNAR DE CUIABÁ
MINISTRO OUVIU GRITOS DE 'FORA, GILMAR' AO EMBARCAR EM VOO COMERCIAL
NO VOO DE SÁBADO, GILMAR MENDES FOI QUESTIONADO SE ‘VAI SOLTAR O LULA TAMBÉM’ (FOTO: JOSÉ CRUZ/ABR)
Após ser hostilizado em um voo comercial durante o final de semana, o presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Gilmar Mendes, utilizou um avião da Força Aérea Brasileira (FAB), na última segunda-feira, 29, para viajar de Cuiabá (MT) a São Paulo (SP).
Nos registros da FAB, o deslocamento consta como "à disposição do Ministério da Defesa Transporte do Presidente do TSE". Segundo as informações públicas, ele saiu da capital do Mato Grosso às 13h05 e chegou a São Paulo às 17h30. O motivo, porém, não foi informado, embora em outros casos sejam apresentadas justificativas padronizadas como "serviço", "serviço/segurança" e "residência".
Segundo a assessoria de imprensa de Gilmar, ele precisou utilizar o avião da FAB para cumprir compromisso oficial no Tribunal Regional Eleitoral (TRE) em São Paulo, que ocorreria a partir das 17h de segunda-feira. A companhia aérea LATAM, no entanto, possui um voo diário que sairia às 13h37 e chegaria antes deste horário, às 16h50 - o horário de chegada previsto pela companhia também ocorreria 40 minutos antes do horário de pouso registrado pela FAB.
A assessoria de Gilmar negou que ele tenha optado por viajar num avião da FAB por questões de segurança e destacou que no dia seguinte, terça-feira, ele utilizou um voo comercial para retornar a Brasília. Procurada, a assessoria de imprensa do Ministério da Defesa não se manifestou.
No sábado, 27, passageiros de um voo de Brasília a Cuiabá gritaram ‘fora, Gilmar, fora, Gilmar’. Ele foi questionado se ‘vai soltar o Lula, também’ – o ex-presidente foi condenado a 12 anos e um mês de prisão em regime fechado na Lava Jato, mas pode recorrer em liberdade. O ministro não respondeu às vaias e provocações. (AE)
DIÁRIO do PODER/montedo.com

13 comentários:

Anônimo disse...

Pra ele tem avião, mas pra levar os donativos para os necessitados não ! Eh Brasil de oportunistas heim !

Anônimo disse...

Tranquilo, só pagar o combustivel para levar o bonitão. Simples.

Anônimo disse...

Ah comunas maldidos ... só sabem destruir.

http://www.tribunadonorte.com.br/noticia/mpf-quer-tirar-nomes-de-ex-presidentes-militares-de-ruas-em-a-rea-da-aerona-utica/403830

Anônimo disse...

Qual foi a solução para esses abusos ????

http://www.tribunadonorte.com.br/noticia/comissa-o-de-a-tica-abre-investigaa-a-o-contra-ministros-por-uso-de-avia-es-da-fab/399453

Marcelo Carvalho disse...

Gilmar é o espelho do brasileiro que usa gatonet, faz gato de luz e água e acha que o bacana é ser malandro....

Anônimo disse...

Que país da hipocrisia. E agora FAB pra ele tem avião a disposição. Não cobra frete e nada. Ele é autoridade mas a maior autoridade o país é o povo. E o povo precisou da ajuda da FAB e esta quis cobrar o combustível e frete. Fala sério Brasil. Pátria amada dos políticos e autoridades. Pátria fudida e maltratada do povao....triste tudo isso. Ah só pra lembrar q se a midia não ficasse encima não teria avião da FAB para transporte de órgãos. Brasil que tem alguns Brasis dentro...

QE Apaziguador disse...

E puro pensamento Petista, que a LEI só vale pros outros, pra eles não.

Anônimo disse...

Será que cantaram a nova marchinha carnavalesca, composta pelo compositor João Roberto Kelly, para o distinto?

Anônimo disse...

Claro, ninguém vai reclamar e nem xingá-lo. Todos ordeiros e obedientes.Selva! O ministro deve estar achando muito ruim essa mordomia.

Anônimo disse...

Que belo exemplo de safadeza de um país medíocre!!!

Anônimo disse...

Avião e tripulação à disposição...aliás,quem paga isso é o contribuinte! Voe pela "LAFAB"!

Anônimo disse...

A coisa está tão rui, mas tão ruim que, quando o povo exerce seu direito de reclamar com a autoridade, a mordomia aumenta. Isso é Brasil!

Anônimo disse...

Alguém conhece a legislação que proporciona aos ministros do STF as mesmas prerrogativas de ministro de estado ? Os ministros dos outros tribunais superiores também usufruem dessas prerrogativas ?

Arquivo do blog

Compartilhar no WhatsApp
Real Time Web Analytics