31 de janeiro de 2015

Ministro da Defesa recebe recados de figurões presos na Lava-Jato.

Jogo pesado

Lauro Jardim

Sem alarde, a filha de Ricardo Pessoa, a advogada Patrícia, esteve com Jaques Wagner na semana passada. Wagner, que foi arrolado como testemunha de defesa do empreiteiro da UTC, recebeu recados provenientes de Curitiba.

O mesmo Jaques Wagner também recebeu há duas semanas a visita de Cesar Mata Pires, dono da OAS. O empreiteiro baiano deixou claro que, se o governo não colaborar, Leo Pinheiro, o presidente da OAS encarcerado desde novembro, pode fazer uma delação premiada – e deixar mortos e feridos pelo caminho.
Radar on-line (Veja)/montedo.com

2 comentários:

MILICO VELHO disse...

MONTEDO, LEIA A REPORTAGEM NO END:
http://infograficos.estadao.com.br/public/politica/roraima-raposa-serra-do-sol/a-reserva.html
ME PARECE QUE PERDEMOS PARTE DO TERRITORIO NACIONAL. SE FOR POR TI APROVADA, PUBLIQUE PARA Q OS MILITARES TOMEM CONHECIMENTO E COMENTEM, GRATO.

Anônimo disse...

http://g1.globo.com/mg/zona-da-mata/noticia/2015/01/aluno-com-nota-mais-alta-do-sisu-na-ufjf-desistiu-da-carreira-militar.html

Arquivo do blog

Compartilhar no WhatsApp
Real Time Web Analytics