27 de janeiro de 2015

Exército tem sua primeira mulher Comandante!

A Major Médica Carla Maria Clausi, assume a Direção do Hospital de Guarnição de João Pessoa. Sua assunção ao cargo é um marco na história do Exército Brasileiro: a Maj Carla é a primeira mulher a assumir o Comando de uma Organização Militar, nível unidade, pertencente à Força Terrestre.
Imagens ST Andrade (Facebook do EB)
Leia também:
Exército nomeia mulher para o comando pela primeira vez na história
Elas querem ser generais!

Médica é a primeira mulher comandante de uma unidade da FAB.

20 comentários:

Anônimo disse...

Quanta medalha! deve ser uma mulher com muitos méritos ...

MUFLE disse...

ALGUM MILITAR PODE ME EXPLICAR QUAIS SÃO AS MEDALHAS Q ESTA SENHORA OSTENTA? E OS BREVES, TB. GRATO

Anônimo disse...

Deve ter ido a guerras nunca dantes vistas na história deste país ! Eu depois de trinta anos de FFAA tenho a de mérito marinheiro e a de tempo de serviço ! E olha que ralei muito !!

Anônimo disse...

Agora entendo porque se utiliza o termo "teatro de operações "

Anônimo disse...

Medalha de Tempo Sv, Pacificador, OMM ...

Anônimo disse...

Espero que ela melhore o hospital de JP pois esta uma me.....

Anônimo disse...

O HGUJP foi uma das melhores OM para a família militar, até a chegada de um diretor, q babava pela boca, virava os olhos e surtava rotineiramente.
Para se ter uma ideia, ele vibrava qdo tinha de enviar os pacientes para o HMARecife, gabando-se de "economizar" recursos para o EB, batendo metas q só ele enxergava.
Lembro-me q nenhum especialista (médico tmpr) ficou no segundo ano de Direção do doente, todos pediram para ir embora. A partir dali, ficou uma bost@ todo atendimento ali.
Afirmo sem medo de q o HGUJP teve na figura desse doente o divisor no q tange à qualidade.
Tristeza de nós...

Anônimo disse...

Meu Deus quantas medalhas, parece o Muttley.

Anônimo disse...

ESPERO que a Distinta Comandante tenha o bom senso e o JOGO DE CINTURA que o cargo exige. Principalmente na área de saúde, que é complicadíssima e foge aos padrões da militaria.... e não tenha esquecido de sua formação primária (médica). ECEME coloca uma certa visão reta demais na cabeça das pessoas....

Anônimo disse...

É bem como dizem mesmo: "Inveja de macho é fogo!" Tão preocupados ficaram com as medalhas da Maj. Será que não ficaram com inveja dela poder usar saia também?
1º Sgt Infa Brazil

Garivaldino Ferraz - Brasília disse...

Aos militares que estranham a quantidade de Medalhas da Major, recomendo uma olhada no Almanaque dos Militares. Para quem não sabe, a Major estava no Haiti por ocasião de um dos terremotos que assolou aquele país, tendo liderado (liderado mesmo, fez a frente) os trabalhos de resgate de diversas crianças soterradas. Se tiverem curiosidade, leiam mais em: mujahdincucaracha.blogspot.com.br/2009/05/uma-certa-capita-carla.html

Anônimo disse...

Por analogia, se a Dilma é presidentA, a comandante é comandantA.

Anônimo disse...

Caramba,eu olhei pra foto ela e tremí de medo. Ela é assim mesmo? Tomara que seja eficiente e não queira cobrar continência de moribundo, para justificar essa coleção de medalhas.

Jonecy Leite disse...

Espero que melhore o atendimento e que as marcações de consultas voltem a funcionar esse provedor do Fusex está há muito precisando de mudanças, vamos ver se dai melhora.

Anônimo disse...

QUANTO MAIS POBRE A TRIBO, MAIS PENAS TÊM O COCAR DO CACIQUE...

Anônimo disse...

O HGUJP foi uma das melhores OM para a família militar, até a chegada de um diretor, q babava pela boca, virava os olhos e surtava rotineiramente.
Para se ter uma ideia, ele vibrava qdo tinha de enviar os pacientes para o HMARecife, gabando-se de "economizar" recursos para o EB, batendo metas q só ele enxergava.
Lembro-me q nenhum especialista (médico tmpr) ficou no segundo ano de Direção do doente, todos pediram para ir embora. A partir dali, ficou uma bost@ todo atendimento ali.
Afirmo sem medo de q o HGUJP teve na figura desse doente o divisor no q tange à qualidade.
Tristeza de nós...

Ten Rod disse...

Eu tive a honra de servir com a Major Cláudia no Haiti. E sou testemunha de que ela merece, conheço poucos, muito poucos, militares como ela (na melhor acepção da palavra).
Parabéns, Maj Cláudia

Anônimo disse...

Está aí a solução para os militares.Já que os machões perdem a coragem quando chegam perto da Dilma,, elas, as mulheres, estão chegando devagar. Cuidado, mulher quando manda, manda mesmo. Nunca vi um ser para arranjar tantas tarefas para os maridos(kkk). Já imaginaram o que daria o embate dela com a Dilmona? Acho que a Ex-guerrilheira ia ouvir umas verdades. Sejam bemvindas.

Anônimo disse...

Quem serviu com ela no Haiti conhece bem suas proezas e recordes batidos na disputa com outra médica do mesmo contingente.

misterbikes disse...

A MAJOR CARLA É UM EXEMPLO DE SER HUMANO QUE TEM QUE SER COPIADO. A COMPETÊNCIA VEM DO ESFORÇO INDIVIDUAL E CONTÍNUO QUE É TRADUZIDO EM MÉRITO AO LONGO DA JORNADA DE UM MILITAR. ISSO QUE ESTÁ ACONTECENDO COM ELA DEVERIA SER O EXEMPLO PARA TODOS NÓS PELA DETERMINAÇÃO, PELA OBSTINAÇÃO, PROATIVIDADE COMO SER HUMANO. FICO ORGULHOSO EM PENSAR QUE EM BREVE TEREMOS UMA CORONEL COM KOLYNOS ESPERANDO A DATA DA PROMOÇÃO A GEN.
PARECE PREMONIÇÃO, MAS É VER PARA CRER.
PARABÉNS; O BRASIL PRECISA DE EXEMPLOS ASSIM, COMO DIZ A NOBRE MAJOR: O BRASIL CARECE DE HERÓIS E SOBRAM..........

Arquivo do blog

Compartilhar no WhatsApp
Real Time Web Analytics