9 de setembro de 2014

"A História tem que ser contada de forma isenta", diz general sobre período pós-1964.

O Comandante Militar do Sul, general Antônio Hamilton Martins Mourão conversa com Tulio Milman fala sobre a sua experiência de vida, do trabalho do Exército, segurança, estratégia, território, fronteira, guerra e paz.

tvcomVídeos/montedo.com

6 comentários:

Anônimo disse...

http://blogdomariomagalhaes.blogosfera.uol.com.br/2014/09/09/procuradores-querem-investigar-chefe-do-exercito-por-falsa-informacao/

Anônimo disse...

Dúvida! caso se concretize a implantação do socialismo e posteriormente do comunismo no Brasil, com a provável Vitória da Dilmandona ou Marina na eleição, como eh o processo para pedir asilo político nos EUA, como os cubanos tem direito a asilo nos EUA? Ja que aqui na terra brasilis não há nenhuma instituição ou pessoas com vontade de impedir a implantação do socialismo??? Não quero passar minha velhice num país socialista bolivariano ! Vou mudar de país antes..

Anônimo disse...

Esse nome " MOURÃO ", ainda mais quando se refere a um General, faz tremer as bases desses PTralhas que andar surrupiando o nosso País.

Ronaldo Fontes disse...

Até que enfim surge um patriota preocupado com o país e não com as,estrelas..
Nossos cumprimentos e respeito Gen. Mourão.
Dr. Ronaldo Fontes
Coordenador do CEPE/ADESG/SP

Anônimo disse...

Meus bolsos também estão tremendo de tão vazios que estão!!!!!O Gen está tranquilo....Não tem problemas financeiros....

Anônimo disse...

Um pouquinho de história...

http://cafehistoria.ning.com/page/entrevista-marcos-napolitano-usp?xg_source=msg_mes_network

Arquivo do blog

Compartilhar no WhatsApp
Real Time Web Analytics