28 de março de 2013

Militares da 15ª Brigada de Infantaria Motorizada visitam Itaipu

O grupo reunido no Mirante Central, para a foto clássica diante da usina.
Os militares participantes da 2ª Reunião de Comando da 15ª Brigada de Infantaria Motorizada, com sede em Cascavel, estiveram na Itaipu na manhã desta quarta-feira (27), com suas famílias, para uma visita de cortesia. O passeio encerrou o encontro da Brigada, que tem como objetivo reunir os comandantes das unidades próximas para alinhar orientações e transmitir as diretrizes do comando.
O General-de-Brigada Altair Polsin, acompanhado da esposa, Josélia, explicou que as reuniões são periódicas e, além de um momento de alinhamento, também servem para incentivar a união e a proximidade da família militar. “Escolhemos Foz do Iguaçu para essa reunião e não poderíamos passar por aqui sem conhecer a Itaipu”, disse o General.
Segundo o General Polsin, muitos participantes do grupo ainda não conheciam a usina, inclusive as esposas e filhos dos oficiais, e estavam todos bastante animados. Só não participaram da visita técnica as crianças mais novas, por questão de segurança. Mas elas tiveram uma manhã divertida no Refúgio Biológico Bela Vista.
Os visitantes foram recebidos pelos coronéis da reserva Carlos Sucha, Rogel Abib Zattar e Alexandre Cardoso, além das equipes da Assessoria de Informações (IN.GB) e das Relações Públicas (CSRP.GB). Segundo Sucha, a visita serviu também para informar os oficiais da 15ª Brigada, que corresponde ao Oeste do Paraná, sobre um dos pontos mais importantes de segurança nacional – a usina de Itaipu.

Brigada Militar
A 15ª Brigada de Infantaria Motorizada tem sede em Cascavel e seu comandante é o General Altair Poisin. É administrada pela 5ª Região Militar e 5ª Divisão de Exército/Comando Militar do Sul, com sede em Curitiba (Paraná).
As organizações militares subordinadas à 15ª Brigada são o 30º Batalhão de Infantaria Motorizado (Apucarana), o 33º Batalhão de Infantaria Motorizado (Cascavel), o 34º Batalhão de Infantaria Motorizado (Foz do Iguaçu), o 26º Grupo de Artilharia de Campanha (Guarapuava), o 15º Batalhão Logístico (Cascavel), a 15ª Companhia de Engenharia de Combate (Palmas), a 15ª Companhia de Infantaria Motorizada (Guaíra) e o 16º Esquadrão de Cavalaria Mecanizado (Francisco Beltrão).
JIE/montedo.com

4 comentários:

Anônimo disse...

A esquerdalha vermelha quando estava longe do poder chamava Itaipu de "elefante branco." Imagine só o Brasil hoje sem essa obra importantíssima.

Anônimo disse...

Família Militar? O quê é isso? Tá bom... só trouxa ainda acredita nessas expressões de efeito ditas pelos nossos "chefes".

Castanho disse...

Tudo bem Cel Zattar.E daí Cel Sucha tem ainda a bússola
(a) Castanho

Anônimo disse...

Família viajando em viatura oficial do Exército para conhecer Foz do Iguaçu??????

DECRETO Nº 4.307, DE 18 DE JULHO DE 2002

Art. 28. O militar da ativa terá direito apenas ao transporte pessoal, quando tiver de efetuar deslocamento fora da sede de sua OM, nos seguintes casos:

§ 4o O militar terá direito ao transporte pessoal e para o cônjuge ou acompanhante, dentro do território nacional, nas seguintes situações:

I - quando for obrigado a se afastar do seu domicílio para ser submetido à inspeção de saúde, para efeito de recebimento do auxílio-invalidez; ou

II - na sua promoção aos postos de Oficial-General para a solenidade de apresentação ao Presidente da República.

O General não conhece a lei?!

Arquivo do blog

Compartilhar no WhatsApp
Real Time Web Analytics