11 de janeiro de 2013

Soldado da Aeronáutica é preso suspeito de vender drogas, no AM

Polícia investiga ainda participação dele em latrocínio de idoso.
Delegado informou ainda que PM foi preso suspeito de ajudar traficantes.
Soldado da Aeronáutica é suspeito de crime de tráfico de drogas e latrocínio em Manaus (Foto: Camila Henriques /G1 AM)
Soldado da Aeronáutica é suspeito de crime de tráfico de drogas e latrocínio em Manaus (Foto: Camila Henriques /G1 AM)
Camila Henriques
A Polícia Civil prendeu um soldado da Aeronáutica, de 22 anos, suspeito participar de uma suposta quadrilha especializada em tráfico de drogas no bairro Praça 14, Zona Sul de Manaus. Segundo investigações conduzidas pelo delegado Johnny Clay, o rapaz ainda pode estar envolvido no latrocínio de um senhor de 70 anos ocorrido no dia 6 de agosto do ano passado no bairro Cidade Nova 2, Zona Norte.
As investigações que culminaram na prisão do suspeito iniciaram logo após a morte do idoso. A polícia conseguiu grampear um dos cinco celulares roubados durante o crime, o qual estava em posse do soldado. Na manhã desta sexta (11), os policiais conseguiram capturar o suspeito na casa da prima dele, localizada na Rua Castelo Branco, no bairro Cachoeirinha, Zona Sul da capital. Após tentar fugir pelo quintal da residência, ele acabou sendo capturado e preso.
Roupas da Aeronáutica e celular do idoso apreendidos pela Polícia em posse do suspeito, em Manaus (Foto: Camila Henriques /G1 AM)
Roupas da Aeronáutica e celular do idoso
apreendidos pela Polícia em posse do suspeito
(Foto: Camila Henriques /G1 AM)
Em depoimento no 6º Distrito Integrado de Polícia (DIP), o rapaz confessou ser soldado da Aeronáutica. Na casa onde estava escondido, a polícia ainda encontrou o uniforme do rapaz, o qual foi indiciado pelo crime de associação ao tráfico de drogas. Por ter escondido o suspeito, a prima dele também será indiciada. De acordo com o delegado, ainda há suspeitas de que ela também ajudaria os traficantes da região na venda das drogas.
O delegado Johnny Clay também revelou que dois policiais militares também estariam envolvidos com os traficantes, supostamente facilitando a fuga deles durante as ações criminosas. Um dos PMs já foi detido na última quarta-feira (9), enquanto o outro continua foragido.
Tanto o soldado da Aeronáutica quanto o policial militar foram encaminhados para o Batalhão Especial, onde ficarão presos. Já a prima do suspeito foi liberada após assinar um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO).
G1 AM/montedo.com

Nenhum comentário:

Arquivo do blog

Compartilhar no WhatsApp
Real Time Web Analytics